Menu em imagem

Image Map

26 julho 2017

{Resenha} ~ Assombrada BR volume 1 - M R Terci ~

Oi  gente! Como vocês estão? 

Hoje vou trazer uma resenha diferente, de um projeto inovador do autor M R Terci. Gravem bem esse nome. Os que já me acompanhavam no Lua, já sabem que tenho uma admiração pelo trabalho do autor. Suas obras são excepcionais, sou fã, e a maioria que já li entraram para a lista de favoritos. 

Eu quero que vocês imaginem que vamos viajar. Nosso destino? Sem rumo, vamos seguir pela BR-116. Não perguntem nada, só entrem aqui e vamos seguir A Linha Vermelha...


Título: Assombrada BR #1
Autor: M R Terci
Editora: Independente
Páginas: 80
Avaliação:  
Onde Comprar? Amazon
Sinopse: A BR-116 é a principal rodovia brasileira. Tem início na cidade de Fortaleza, no estado do Ceará e término na cidade de Jaguarão, no estado do Rio Grande do Sul, na fronteira com o Uruguai. A extensão total da rodovia é de aproximadamente 4513 quilômetros, passando por dez estados, ligando cidades importantes como Pelotas, Porto Alegre, Caxias do Sul, Curitiba, São Paulo, São José dos Campos, Taubaté, Resende, Barra Mansa, Rio de Janeiro, Pelotas, Governador Valadares, Teófilo Otoni, Vitória da Conquista, Feira de Santana e Fortaleza. Ficou conhecida como “A Rodovia da Morte” e o título inglório não é para menos; o número de acidentes acumulados ao longo dos anos é imenso e alguns trechos da rodovia se tornaram estigmatizados por seus causos, superstições e lendas.Enquanto percorre a Rodovia da Morte, o escritor e roteirista M. R. Terci vai dissecar a estrada, quilômetro a quilômetro, descobrindo seus muitos nomes e epítetos, entrevistando gente estranha em lugares de botar medo, explorando trechos marcados pela tragédia e superstição, mitos funestos e lendas assustadoras. As histórias publicadas semanalmente em Assombrada BR, são ficções inspiradas em lugares obscuros, fatos inexplicáveis e assustadores, encontros com o sobrenatural que poderiam estar acontecendo nesse exato momento, com pessoas como você e eu. Venha. Assuma o assento de co-piloto e acompanhe essa viagem nos volumes semanais de Assombrada BR.

A informação que consta na sinopse do primeiro volume do projeto é verdadeira! A BR-116 é realmente a principal rodovia brasileira. 

Já repararam quantas histórias um trecho, do tamanho que seja, traz? Aliás, somente observando, já conseguimos constatar ao menos aquelas de sofrimento, através das inúmeras cruzes que demonstram que ali houveram mortes.

Além das verdadeiras, as estradas trazem ainda lendas, que comprovadas ou não, acabam se tornando muito conhecidas e famosas em determinadas regiões. Quem nunca ouviu falar da mulher de branco pedindo carona? 

Imaginem então, o que a BR-116 tem para contar. M R Terci resolveu explorar a conhecida Rodovia da Morte. Ele fez as malas e está percorrendo-a, coletando informações e inspirações para seu novo trabalho, Assombrada-BR.
"Este é o cenário onde a trama se desenrolará, com suas faixas de rolamento avançando escuras para algum lugar, suas barreiras físicas centrais, o canteiro, meio-fio, a mureta, guardrail e faixas... Ah! Como adoro as faixas! Brancas ou amarelas, contínuas ou seccionadas, linhas brancas tracejadas e contínuas daqui, linhas amarelas tracejadas e ininterruptas dali. Eu não vejo diferença! Chamo a tudo de “A Linha Vermelha”. E é a Linha que liga os passos do homem ao seu destino."
A obra será publicada periodicamente na Amazon. Cada volume trará estórias arrepiantes!. 


Vamos andar três quilômetros hoje. O primeiro Km, traz o conto Chifre Longo. Pelo título vocês já devem perceber que estamos nos referindo ao próprio diabo.

Sim caros leitores. Uma rodovia que recebe alcunha de morte, só pode ter o próprio diabo rondando por ela.

Medo! Esse é o principal sentimento nesta parada. Sabem quando acontece algo horrível com alguma pessoa e você não entende o motivo? Não entendemos as razões, o fato é que mesmo não sendo personagem do conto (graças ao bom Deus somos meros viajantes, nossa única participação é observar, sem mudar o curso do caminho), não ousamos questionar Chifre Longo.
"Chifre longo conhece todas as direções. É ele quem aponta o caminho ao caminheiro. Ele sabe as respostas para as perguntas que não devemos fazer."
Km 2: A Banguela. Existem pessoas que por vezes, se esquecem de morrer. Ou simplesmente não querem.

Neste Km, um pouco à frente, dá pra descer em ponto morto. É arriscado demais pra mim, mas para Asevedo (isso mesmo, com S e não Z) é façanha. Lá se vai ele seguindo na banguela. Mal sabe que logo adiante tem um menina que cruzará seu caminho. Ele vai se desesperar, pois ela vai atravessar em sua frente. Para Asevedo, um atropelamento. Mas não se enganem. Ela já estava morta antes disso. Depois deste trecho, talvez, comece a levantar teorias sobre vampiros no Brasil.
"Era a sina de todo caminhoneiro e, nesse trecho desairoso de estrada, havia muitas cruzes. Nem toda reza do mundo pode dar jeito."
Km 3: Capitão Boa Noite e a Gangue dos Facas Longas.

Por essas bandas, temos uma gangue de motoqueiros: Os Facas Longas. Motos que chamam atenção até mesmo daqueles que não curtem. Hey meninas, temos uma Harley. Aquele lindo ali, é quem comanda a trupe. Seu nome é Virabrequim. Mas em sua garupa, está Lili, a dona de seu coração.

Não se enganem. Eles não são protagonistas de um livro de romance. Estamos seguindo a linha vermelha. A Gangue dos Facas Longas não deixa passar nada. E neste trecho, uma assombração resolveu zombar da gangue. Se preparem, pois haverão perseguições. Aqui teremos muita ação, e por vezes, os leitores mais sensíveis, poderão sentir até tristeza.
"A estrada só parava para ver morrer ou nascer. Mas os prodígios assombrosos varriam o horizonte e os deuses, em forma de homens, baixavam à terra e corriam loucos pela rodovia."
Em meio ao horror, nossa jornada inicia e termina com um gosto de quero mais. O que nos reserva no próximo Km?


Eu fiz uma resenha bem diferente, porque nos sentimos assim mesmo, como se estivéssemos ali, vendo a tudo, e seguindo viagem pela BR.

Além da escrita nos permitir isso, o autor faz com que o leitor consiga facilmente dar vida ao enredo, trazendo lugares e situações fáceis de serem visualizados e a edição, mesmo se tratando de e-book, também contribui para o efeito. 

Um fato interessante sobre o enredo, que remete muito a realidade, é que num conto poderemos cruzar com um veículo ou um personagem do próximo conto. 

Para quem já leu livros do autor, temos mantidas suas características principais, porém com uma nova atmosfera. Assombrada aproxima ainda mais o leitor, sendo capaz de prender e instigar. Uma obra envolvente, com elementos folclóricos e um quê de mistério que com certeza agradará até os leitores iniciantes do gênero.

Se recomendo? Claro que sim! Eu continuarei seguindo pela linha vermelha, e voltarei em breve, com minha opinião sobre o próximo volume.
"A obra que você tem em mãos, meu bom, foi escrita em sangue sobre o negrume do asfalto. É assim que se conta uma boa história de horror. Vermelho e preto." 

Querem ficar por dentro de todas as novidades? Cliquem nos links a seguir:


Resultado de imagem para gif estrada

Gostaram do que viram? Irão ler? Quero saber tudo amorinhos, contem pra mim nos comentários.

Por hoje é só! 

Beijos!

24 comentários:

  1. Que livro diferente! Nossa, achei incrível essas histórias e ainda trazem informaçoes que existem, como as BRs e tal, achei mega legal! Sua resenha também ficou ótima, fiquei super curiosa para saber mais e conferir por mim mesmo a história. Adorei!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lilian!!
      Que saudade ♥
      Espero que confira mesmo, recomendo.
      Beijos

      Excluir
  2. Olá, a obra do autor parece ser muito original e percebe-se que ele estudou bastante ambiente onde se passa a trama, dando ao leitor uma maior perspectiva da história. Fiquei curioso para ler, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alison!
      Sim, é muito original. E sobre o estudo do ambiente, o cara está literalmente com o pé na estrada coletando informações e buscando por novas estórias.
      Vale a pena acompanhar.
      Beijos

      Excluir
  3. Olá !!
    Nunca li nada do autor e esse livro parece ser muito criativo e asustador !
    Eu não sabia que a BR-116 é a principal rodovia do Brasil e também não sabia que é Rodovia da Morte !!
    Não costumo ler contos mas eu leria esse livro só para saber as lendas que rondam essa rodovia !!

    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mich! Como disse na resenha, sou fã do autor. Ele cria enredos criativos e instigantes. Leia, você vai curtir.
      Beijos

      Excluir
  4. Oiee!
    Não sou muito fã de contos, a maioria que tentei ler acabei abandonando, sem falar que esse me deixou com medo rsrs, é assustador demais pra quem não tá acostumado a ler terror.
    Deixo passar.
    Mas amei o tema ter sido a BR, muito criativo.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Oi Bianca! Adorei saber a ambientação que O autor colocou na história. Não sabia que BR 116 começava na minha cidade e achei mto interessante. Gostei que ele misturou lendas, terror, suspense com histórias de estrada. Achei bacana mesmo. Parece um livro com muitos contos. Se o nome dos capítulos me deixou tensa, imagina lendo essas histórias.
    Obg pela indicação ;)

    ResponderExcluir
  6. Oi Bia. Não me canso de dizer o quanto vc é criativa! A resenha ficou sensacional e se eu já tinha medo de viajar pela BR agora ficou pior kkkkkkk Eu ainda não li os livros do autor, mas sabendo o quanto vc gosta do gênero tenho certeza que é uma excelente indicação!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mi ♥
      Eu queria tanto que você se adentrasse no gênero hahaha.
      Beijos

      Excluir
  7. Oi, Bia!
    Menina, já quero toda essa BR na minha mesa hahahahahhahah adoro contos de terror (apesar de ficar morrendo de medo de passar nessa BR depois hahhaha)
    Indiquei o PPP numa tag super mara no blog (aqui ó)
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Sorteio de Férias: cinco livros, um ganhador!

    ResponderExcluir
  8. Olá Bia!
    Estou me perguntando pq eu ainda não conhecia o autor e suas obras, é um máximo, curto mto esse gênero, irei anotar a dica com toda ctz!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!
      Você precisa conhecer mulher hahaha. O Marcos é um autor muito completo, vale a pena ler qualquer uma de suas obras.
      Beijos

      Excluir
  9. Oi Bia,
    Ainda não conheço a escrita do autor, mas sempre haverá uma oportunidade para estrear nesse estilo ai, pois fiquei intrigada para ler uma história dele.
    Nunca parei pra pensar na imensidão de histórias que esse trecho deve ter, tantos as verdadeiras como as lendas, afinal, sendo a principal rodovia, a BR-116 tem muita coisa para contar, e inspirar também!
    Esses contos macabros e arrepiantes instigam o leitor a viajar junto com o autor e conhecer quilometro por quilometro da BR, achei bem inusitado e criativo esse jeito de narrar.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Micheli!
      Como pôde ver, eu fiquei completamente fascinada pelo enredo. E estamos falando do primeiro volume. Eu acho que, se você fica instigada com o estilo, precisa começar logo a ler algo. E a melhor forma pra começar, é lendo um livro de qualidade. Resumindo: Assombrada é literatura de qualidade, você será introduzida ao gênero com uma obra completamente rica e sem gastar muito, já que o e-book é super em conta.
      Beijos

      Excluir
  10. Oi Biia... Nossa esse livro deve ser muito bom! Eu disse uma vez pra Fabi que morro de medo de ler livros os quais eu conheço o cenário, mas deve ter uma emoção a mais. Ler todas essas histórias na BR 116 deve ser muito envolvente. Com certeza quero ler siim!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Crissie!
      O cenário foi com certeza o ponto alto para conectar o leitor com o enredo.
      Leia, é perfeito!
      Beijos

      Excluir
  11. Bianca!
    Achei a ideia de usar a rodovia BR-116, que corta de norte a sul do país e é uma das mais temidas pelos motoristas, para criar contos de terror baseados nela...
    Inteligentíssimo o autor!
    Desejo uma ótima semana!
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy!
      O Marcos é um autor inteligentíssimo e mega criativo. Precisa conhecer sua escrita!
      Beijos

      Excluir
  12. Eu amo livros assim, e estava sentindo falta de ler esse genero.
    Adorei a resenha, e com certeza vou ler e vir aqui te contar o que achei.
    Não conhecia autor, mas fiquei curiosa principalmente para ler Chifre Longo, eu ahei genial essa ideia de tirar histórias da rodovia, fiquei super empolgada, e ao mesmo tempo com aquele medinho por imaginar o que aguarda o leitor
    Ansiosa pelas próximas resenhas.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!!!
      Me enrolei, mas irei colocar a leitura da série em dia ainda hoje e trarei mais resenhas para saciar sua ansiedade.
      Beeijos

      Excluir

© PAUSA PARA PITACOS - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: RENATA MASSA | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo