Menu em imagem

Image Map

26 abril 2017

~ Rebobina - 4ª Edição ~

Hello,  pipows!
Como estão?
Como foi o feriado (os feriados, na verdade!) de vocês?
Bem, os meus foram conturbados. Como vocês sabem, feriado prolongado é sinônimo de trabalho e mais trabalho, né? Tanto que nem pude dar as caras por aqui... mas voltei, e voltei com coisas lindas!

Senhoras e senhores, é com grande - mas grande meeeeesmo - emoção que damos início a mais uma edição do Rebobina. E essa veio tão - ou mais, acho! - especial do que nunca: vamos falar sobre nosso amor por nada mais, nada menos que Sandy & Junior!!!  


 Esse turu, turu, turu aqui dentro
Que faz turu, turu quando você passa... 

Coração está batendo fortemente aqui e estou dando gritinhos histéricos, de tanta emoção, minha gente!!! Falar desse amor das antigas, que me acompanha desde que eu me entendo por gente, vai ser lindo demais... emocionante demais! Embarque com a gente nessa viagem mais que nostálgica ao passado! 

A Bia, minha parceira de ragatanga, amiga do coração, gêmea em inúmeros sentidos, lacradora do Lua Literária, logicamente também está nesse barco, ou seja, vocês têm muitos, mas muuuuuitos motivos pra ficarem ligadinhos no Lua e no Pausa Para Pitacos no decorrer dessa semana (e em todas as outras semanas também, oras bolas!).

Como tem gente (ou ET's, ao meu ver, hihi) que não conhece Sandy & Junior - e também aqueles que sabem quem esses lindos são, mas não estão assim tão por dentro do assunto, vamos começar falando um pouquinho sobre a carreira da dupla.

Eles são irmãos, filhos do Xororó - aquele da dupla Chitãozinho e Xororó - e da Noely. Um belo dia eles apareceram no Som Brasil, ainda bem novinhos, cantando Maria Chiquinha, canção que logo se tornou um grande sucesso.

Depois dessa aparição, eles deslancharam! Foram 12 álbuns gravados em estúdio (ou não, fiquei na dúvida, acho que foi mais, Wikipedia!), o primeiro deles sendo lançando em 1991, chamado O aniversário do Tatu.




 Quando chega o gambá acaba a festa
Ele é bom, só o cheiro é que não presta!  😂

No ano seguinte, mesmo com o sucesso do disco anterior ainda reverberando por todo o país, a dupla lançou mais um, o Sábado à noite. Nem preciso dizer que foi sucesso, né? Aqui conhecemos a Maria Chiquinha, o Sítio da vovó, Medo de crescer e uma das minhas preferidas, Vamos construir.



 Vamos construir uma ponte em nós
Vamos construir, pra ligar meu coração ao seu
Com o amor que existe em nós... 

E quem disse que eles esperavam muito pra lançar mais sucessos? Que nada! Em 1993, tivemos mais amor em forma de álbum. Tô ligado em você foi lançado em LP e em CD, e a duplinha foi uma das pioneiras ao lançar um álbum em ambos os formatos. 



O primeiro hit girl power da nossa vida a gente nunca esquece, né?
Hihihi 💖😍

Aí, em 1994, veio mais um álbum lindo de morrer - e com sucesso garantido. Pra dançar com você trouxe mais faixas, mais uma inovação da dupla, incluindo os sucessos Eu quero é mais, Meu primeiro amorDance, dance, dance e mais uma das minhas preferidas, Com você.



 Com você também senti 
Que alguma coisa aqui dentro começou a mudar em mim 

Estão conseguindo acompanhar esse monte de sucesso? Sim? Então, segura mais esse lacre!
Em 1995, também em CD e LP, Sandy & Junior lançaram o álbum Você é D+. Aqui eles já começaram a mudar um pouco a pegada das músicas, afinal, eles e seus fãs estavam crescendo. Hits como Tintim (Um brinde ao amor), Sonho real e A gente se gosta demais logo caíram nas graças de todos, mas as mais tocadas foram aquelas que ainda remetiam àquele lado mais infantil e animado, como por exemplo Roller boys e Vai ter que rebolar.



 Te dou a minha vida, faço tudo, piso fundo!
Enfrento o Mike Tyson, dou bolacha no Edmundo
Esse jogo duro não vai te levar a nada... Entre eu e o Fábio Jr, sou mais eu nessa parada! 

Não perca o fôlego rebolando, pipows! Tem mais, peraí!
Dig-Dig-Joy veio pisando na sociedade em 1996. Eles deram um pouquinho mais de ênfase ao crescimento da dupla, mas sem perder aquele jeitinho criança moleca de ser. Eles viram que esse mix de estilos estava dando certo, e grazadeus continuaram com a pegada do álbum anterior. Sucessos como Jambalaya, Mamãe não me falou, Etc e tal Dig-Dig-Joy embalaram muitas e muitas festinhas da época... E Quero Saber ganhou os corações de todos com seu apelo lindo para o mundo em que estávamos/estamos vivendo. 




Em 1997, Sonho azul veio com tudo também! A dupla estava na boca do povo fazia anos e anos, estavam ganhando notoriedade nos cinemas, TV - pra tudo quanto é lado! Esse álbum trouxe sucessos que estão na boca do povo até hoje, muitos já foram até regravados por outros artistas. Inesquecível marcou uma geração, assim como Eu acho que pirei, música que era tema da série protagonizada pela dupla.



😍😍😍
Mais um! Mais um!!!



 Se no pensamento vem lembranças de alguém
Se o amor não resistir, liga então pra mim! 

Tô precisando ligar pro Junior... alguém tem o número? Pode ser WhatsApp também! 😏

Peraí que não acabou ainda, minha genteee! Chegamos a 1998, e esse ano foi lindo e maravilhoso - e traumático pra mim. A dupla lançou o seu primeiro álbum ao vivo, fizeram as turnês mais lindas do mundo em nosso Brasil Varonil... e eu não fui a nenhum dos shows! #Choremos
Eu até ia a um que rolou em BH, mas quando o show estava próximo, fiquei doente, e por isso precisei ficar internada por um tempão... e o show passou, foi embora deixando o meu coração em pedaços! 



É por isso que você deixou o CD inteiro aqui pra gente ouvir, Fabi?
Simmmm!!! Ouçam, assim vocês terão uma quarta-feira plena! Juro juradinho.

#Partiu 1999.
Aqui a dupla amadureceu de verdade. Suas vozes estão ainda mais maduras, assim como suas músicas. Acompanharam as nossas primeiras desilusões amorosas - pelo menos as minhas sim. Tipo quando descobri que o meu crush da época (fora o Junior), era gay. Enfim. 
As quatro estações mostrou toda a potência da voz de Sandy, e aí ela começou a brilhar ainda mais, fazendo mais e mais participações com cantores famosos.
Apesar de todo o sucesso da música tema do álbum e também de Imortal, a minha preferida era Príncipe dos mares... aiai, muitos suspiros.



 Saio em cada entardecer na esperança de te ver
Correndo na areia dessa praia... 

No ano anterior eles falaram das quatro estações... aí, em 2000, eles falaram de Todas as estações. Hahahaha. Momento piada ruim. Voltando...
No ano 2000, o álbum da dupla trouxe a primeira música solo do nosso primeiro e eterno crush, Junior. Sua voz atingiu um tom melodioso e delicioso de se ouvir, e sempre que eu ouvia/ouço Aprender a amar, fico me perguntando por que diabos ele não gravou mais músicas em que ele fosse a primeira voz. E aqui começou a minha bad com a Sandy... passou, tá, mas confesso que sempre penso no assunto, a bad volta... #PoxaVidaSandy



 Eu preciso ter você
Uma paixão. quando vem, não dá pra segurar... 

Aí, para a alegria geral da nação, em 2000 eles também lançaram As quatro estações - Ao vivo. E aqui, minha bad com a Sandy passou um pouquinho, pois o crush eterno teve mais uma música "solo" - e que música! Aiai...
Ela entrou no CD como faixa bônus, afinal, ela foi gravada em estúdio. Mas quem se importa? O que importa é ouvir esse delicinha pedindo pra eu me enroscar no pescoço dele... Uuuuuiii! #SossegaFabiAssanhada



E esse clipe? Ai, Jesus...
 Encosta seu ouvido em minha boca que eu te boto tonta, huuummm
Desliza a sua mão no meu cabelo aperta a minha nuca! Uuuuu 

Em 2001 a coisa foi ficando cada vez mais séria. Disco novo, carreira deslanchando ainda mais, músicas cada vez mais lindas e maduras... e nossos corações arrebatados pelo álbum, Sandy & Junior. As coisas ficaram sérias pois foi nesse ano que o primeiro boato da separação da dupla começou a surgir... e meu sofrimento começou fortemente. Mas nem mesmo o boato - que na época era boato, mas infelizmente, depois se tornou realidade - fez com que o sucesso deles diminuísse, não senhor. Agora, não só as crianças e adolescentes estavam apaixonados, os adultos também se renderam aos encantos da dupla.




A dupla deixou o Maracanã pequeno em 2002 quando lançaram o álbum Sandy & Junior: Ao vivo no Maracanã. Na época eu fiz uma campanha pra poder ir à gravação do disco, quase fiz vendinha de garagem vendendo tudo o que eu tinha, inclusive órgãos. Não rolou. Papis não deixou. Mais uma desilusão amorosa proporcionada pela dupla.



Sim, DVD completo. Afinal, o objetivo é alcançar uma quarta-feira plena, lembram?

E 2002 não parou de nos proporcionar emoções, não. Nele também foi lançado o primeiro álbum internacional da dupla, o Sandy & Junior Internacional. O que era amor nacional, virou amor internacional.




Ainda estão respirando? O coração ainda está batendo direitinho ou está descompensado como o meu? Então segura mais esse lacre.
Em 2003, Identidade chegou chegando. E os boatos sobre a separação da dupla reapareceram, dessa vez, um bocadinho mais fortes... Mas, mais uma vez, foi sucesso atrás de sucesso!



Foco no estilo Sexy Symbol do Junior nesse clipe.
Jesus, me abana!

E infelizmente, em 2006, os boatos foram confirmados. Em breve a dupla se separaria. Meu coração foi pro saco - o que restou dele, na verdade. O penúltimo álbum da dupla, Sandy e Junior, deixou aquele gostinho de quero mais, afinal, praticamente todas as músicas emplacaram nas rádios, na MTV só se via os clipes da dupla... e a eminente e fatídica separação estava assombrando a todos...




Em 2007, o sonho chegou ao fim. A dupla anunciou publicamente que iriam se separar, que seguiriam caminhos diferentes. E agora o coração morreu de vez. Fez seus últimos turu, turu.
Para se despedir e para consolar os fãs, a dupla gravou um Acústico a convite da MTV, e esse álbum é simplesmente maravilhoso. Tem cheiro de amor, gosto de saudade, de quero mais, som de infância, de adolescência, som daquilo que irá nos acompanhar pra sempre.



Preparem os lencinhos... 😭


Acharam que não ia rolar promoção? Acharam meeesmo? Ah! Se enganaram! Vai ter sorteio sim, senhoras e senhores! E o mimo desse mês tá pra lá de top.


Sandy, apesar de toda a sua meiguice, é uma girl danada de power, num é? Nunca se deixou abalar por nada, nem por nenhuma crítica, nos ensinou que para amar não é preciso se anular - dentre tantas outras coisas -, por isso, nada mais justo do que trazer uma girl master power para nossa promoção. A estrela da vez é Lisbeth Salander, a protagonista fodona que todo mundo respeita! A Trilogia Millenium será o mimo dessa edição, e garanto, seus lindos, que todos irão ficar fissurados por estes livros!

Para participar, basta seguir as mesmas regrinhas de sempre, espia!

*Seguir pelo GFC os blogs Lua Literária e Pausa para Pitacos;
*Comentar em todas as postagens, nos dois blogs (nas postagens relacionadas ao Rebobina);
*Os comentários deverão ser elaborados, nada de comentários do tipo "gostei". Por favor, vamos caprichar. Os ofensivos e de baixo calão serão automaticamente desclassificados;
*Serão eliminados todos que não seguirem as regras;
*Ter endereço de entrega no Brasil;
*Teremos apenas um(a) vencedor(a);
*Em caso de empate, realizaremos sorteio pelo Sorteios PT;
*A divulgação do resultado será no dia 06/05/2017 nos dois blogs;
*O(a) vencedor(a) terá o prazo de 48 horas para entrar em contato através do e-mail pausaparapitacos@gmail.com;
*Caso não entre em contato, um novo sorteio será realizado;
*O prazo para envio dos livros é de 60 dias a contar da data de envio do endereço do(a) vencedor(a);
*Não nos responsabilizamos por possíveis extravios por parte dos correios.

Fácil, fácil, né?
Nada de desculpas para não participar.
Eu acabei me empolgando, o post ficou enorme, mas ficou carregado de amor!
Inclusive, é preciso dizer que pode ser que tenha um errinho ou outro quanto ao ano do lançamento dos discos. Afinal, quem confiaria cegamente no Wikipedia e na discografia do Vagalume? Rs

Mas ainda assim, acho que já deu pra perceber que esse Rebobina será ainda mais especial, num é?
Em 2017 completa-se 10 anos que a dupla se separou, e é por isso que esse foi o tema escolhido. A gente queria dividir com vocês todo o nosso amor pela dupla, queremos também descontrair ao som de suas músicas, contar nossas experiências - que não foram poucas - e também nossas histórias, afinal, que menina nunca teve um sapatinho da Sandy, ou qual menina que nunca quis ter o mesmo corte de cabelo que o dela... ou qual não sonhou em namorar com o Junior?
Esse especial vai render muita saudade, muito amor.
Por isso, fique ligadinho!

Beijocas!

36 comentários:

  1. Genten isso é pra lá de nostálgico. Eu tinha todos os CDs deles, fitas, adesivos, pôsteres, tudo que vc podia imaginar eu tinha. Até hoje tenho as músicas na ponta da língua e ainda amo. Com eles era sucesso atrás de sucesso sempre e alegria atrás de alegria pros nossos corações.
    Sandy nosso exemplo de moda e Júnior nosso crush querido. O CD as quatro estações foi um dos mais marcantes deles, ai como amava essa época... Dá licença que vou ali ouvir a discografia deles e já volto rsrsrs
    Como sempre vc e a Bia arrasaram na escolha do tema do Rebobina. Amei!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que felicidade saber que o tema escolhido deixou todo mundo de coração quentinho junto com a Bia e eu! #Feliz
      Mesmo quem não gostava da dupla (pra mim são ET's), vez ou outra se entregava ao som deles, fato, né?

      Beijocas

      Excluir
  2. Vocês querem me matar com essas Rebobinas né? Me fazendo lembrar da infância e ainda me lembrar que dancei praticamente todas essas músicas na escola que delícia de época com toda certeza que vou me deliciar nesses posts .
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mariiiii!
      Eu também dancei muitoooo na escola! Kkkkkkkkkkkkk
      Eu sempre fui tímida ao extremo, mas quando me chamavam pra dançar alguma música deles, esquecia a timidez! HIhihi

      Beijocas

      Excluir
  3. OI Fabi.
    Bateu uma badi adorava com vontade de ouvir todas as mu´sicas deles.
    Eu gostava muito de Sandy & Junior, foi uma das melhores fases da minha vida, ouvir suas musicas e colecionar os Posters kkkkkkkk.
    Adorei essa mais nova dição do Rebobina, agora vou ali ouvir mais kkkkkk.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marlene, foi uma das minhas melhores fases tb. As lembranças mais doces remetem à esta época! #amooo

      Beijocas

      Excluir
  4. Oi, Fabi!
    Me senti super arcaica com esse post. Mas amei.
    Gente, esse clipe de Enrosca, olha... vou te contar viu?
    Acho que de todos os cds, o meu favorito era Quatro Estações O Show e eu sim virava as capinhas de acordo com as estações hahahahha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção #Sorteio1KSeguidores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As quatro estações é o meu preferido também... depois, Dig-Dig-Joy! Rsrsrsr
      E Enrosca dá até um negócio, né?
      sAIushIAUhsuiHAs

      Beijocas

      Excluir
  5. Genteee que post mais divônico!!!
    Já reli, já revi os vídeos várias e várias vezes, e estou mega, super, ultra empolgada com o especial.
    Amo rebobinar com você ♥
    Beijos
    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nosso especial mais que especial merece divonices divônicas como os nossos musos, né?
      sHAIUshuiAHSas
      Amo rebobinar com vc!

      Beijocas

      Excluir
  6. Olá, Fabi

    Tome meus corações só por ter escrito essa postagem: <3 <3 <3 <3 <3 <3
    Que nostalgia das brabas bateu agora, misericórdia!! Eu amava esses dois e sofri real quando a dupla terminou, chorei e tudo! Eu era fã mesmo, de ter vários recortes de entrevista, poster nas paredes... hahahaha
    Ô tempo bom! *---*
    E só não vou participar do sorteio por não me interessar pelos livros, então acho justo deixar só quem quer ler participar! ;)

    Beijo
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tami, me abraça!
      Chorei litros quando eles se separaram também, foi algo tipo "minha vida musical não faz mais sentido", sabe?
      Embarca no Rebobina com a gente, pq vai ser só amor!
      Hhahaha

      Beijocas

      Excluir
  7. Oi Fabi!
    Que saudades que eu já estava do Rebobina! Adorei o tema escolhido para essa nova edição.
    Não acompanhei muitos dos sucessos da dupla, mas não posso deixar de dizer que toda vez que ouço o nome dos dois já me pego cantando mentalmente: "Vamos pular! Vamos pular, vamos pular, vamos pular!" Hahahaha
    E eles eram tão fofinhos quando eram crianças...
    Vou adorar participar de mais essa edição.
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos pular pra comemorar essa edição divônica então, Anninhaaa! RSrsrrs
      Eu os acho fofinhos até hoje!
      sHAIshuIAHsiuhAs

      Beijocas

      Excluir
  8. Oie!
    Parabéns pela escolha do tema! Essa dupla realmente marcou corações!
    Claro que acompanhava e gostava dos sucessos deles. As letras eram viciantes.
    Sempre admirei a dupla, mas como solo, prefiro a Sandy.
    Relembrar é bom demais. Obrigada por nos proporcionar esses momentos.
    E que venham muitos posts cheios de emoção.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A emoção vai rolar solta mesmo, Márcia! Tà todo mundo de coração quentinho!!!
      E melhor do que proporcionar isso tudo a vocês, é poder nos emocionar junto!

      Beijocas

      Excluir
  9. Fabiii, que post liiiindo! Quem nunca se apaixonou pelo Junior?! Quem não teve uma desilusão amorosa ao som de Sandy e Junior? Quem nunca se afogou em lágrimas porque a mamãe não deixou ir pro show deles?! kkkkk Eu era muito fã, inclusive tenho 3 CDs deles até hoje e me arrependo profundamente de não ter ido pro show de despedida, lembro que teve um aqui em Fortaleza. E só pra constar, até hoje rola música deles na minha playlist no celular hahaha Fiquei tristinha com a separação também, mas acho que não sofri tanto quanto você. Mas enfim, que bom que existem blogs maravilhosos como o seu para nos ajudar a relembrar desses ídolos maravilhosos da nossa adolescência.
    E pra lacrar de vez, que prêmio maravilhoso hein dona Fabi! Pena que eu já tenho, mas quem ganhar, com certeza vai amar também!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Crissie, acredita que quando escolhemos o tema, logo me lembrei de você?
      Me lembrei de vc falando que ia ter um bloquinho de carnaval que ia tocar só S&J, e que eu fiquei tipo "queroooooooooo!!!"
      Rsrrsrs
      Por aqui não rolou show de despedida, mas se tivesse, eu teria ido sem dúvidas!

      E tema lacrador merece mimo lacrador, né?
      sHAIushiUAHs

      Beijocas

      Excluir
  10. Que delicia, que nostalgia gostosa.
    Lembro de quando eu era pequena e eu e minha tia ficávamos pulando sem parar ouvindo 'vamos pular' kkk
    Realmente foi uma dupla e tanto, até hoje me pego cantando algum trechinho que eu gostava, e esses tempos atrás tava vendo a série/novela deles que tava passando de novo no canal viva eu acho kk
    o Júnior era o crush de todas né? Naquela época a gente nem sabia o que era crush mas já tinha kk, e essa história de desilusão porque o menino era gay Fabi? tadinha, mas não posso falar nada porque eu também já passei por cada uma kkk
    O tênis da Sandy eu lembro até hoje o dia que fui comprar com meus pais, me senti a pessoa mais feliz do mundo com aquele tênis maravilhosamente lindo.
    Adorei muito o post, tô ouvindo a cantando as músicas aqui igual uma louca, mas uma louca feliz haha
    Parabéns por essa edição do Rebobina, e esse prêmio? Não conheço a trilogia mas espero conhecer haha
    Vou participar <3
    Beeeeeeeijos <3
    Lost Words!
    Têm sorteio de um e-book lá no blog, participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, as minhas desilusões amorosas são as mais épicas e trágicas que se pode ter na vida! Um dia a gente senta debaixo do pé de amora, eu te conto minha história e vc chora! Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Eu tô doida pra rever a série, fiquei feliz em saber que tá passando no Viva. Vou procurar saber o horário. Adoravaaaa!!!

      Beijocas

      Excluir
  11. Legal esse post, me fez lembrar uma vez que eu recebi uma carta em metro daquelas que eram sucesso nos anos 90, o cara era apaixonado por Sandy e Junior e tinha várias letras deles na carta. Eu não tinha nenhum interesse por ele, então fiz uma devolução imediata.
    Pra mim foi tão bizarro que não posso ouvir falar em Sandy e Junior que eu me lembro dessa história. kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grazi, que troço bizarro! shIUAHsuiHAiushAs
      Mas foi fofo, vaiiii...
      Rsrsrsr


      Beijocas

      Excluir
    2. Mais bizarro foi encontrar o cara anos depois num salão de cabeleireiro e descobrir que ele é gay...
      Não deve ser, mas bate aquela dúvida, será que eu tenho alguma responsabilidade nisso...

      Excluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  13. Oi Fabi....
    Awn... Dando vários gritinhos histéricos aqui com esse tema do Rebobina... Impossível falar de Sandy Junior com um post ou um comentário curtinho... Sessão nostalgia total!!! E essas músicas, como não lembrar de Maria Chiquinha, Abre a porta, Mariquinha, Dig Dig Joy, Era uma vez, As quatro estações... Entre tantos outros sucessos incríveis e inesquecíveis... E que a Sandy é uma girl danada de power, isso é fato... Afinal, cantar a música tema de Titanic não é pra qualquer né? rsrs... Amei o tema da 4ª edição do Rebobina.... E assim como este comentário, todos os meus outros serão feitos ao som de Sandy e Junior... Não podia deixar de comentar aqui... Lembra de um especial que a Globo exibiu em 1992 do Leandro e Leonardo com a participação de Sandy e Junior cantando 'Abre a porta, Mariquinha'?... Lembro que gravei (ou melhor, minha mãe gravou pra mim... Rs) esse especial em uma fita VHS através de um vídeo cassete (kkk... tô ficando velha... rsrsr)...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMG... Tive um ataque de fofura agora aqui.... Achei o vídeo deles cantando com o Mickey e a Minnie e precisei postar o link do vídeo pra você ver: https://www.youtube.com/watch?v=WCCW0wn5BfQ
      Espero que goste...
      Beijinhos...

      Excluir
    2. Rebobinar é sinônimo de coração quentinho e sensação de que estamos velhas mesmo, Cris! Kkkkkkkkkkkk
      Eu me lembro desse especial! Tb gravaram pra mim pq passou muito tarde e eu não consegui assistir! Rsrsrrs
      Eu simplesmente ameeeeiiiii o vídeo deles cantando com o Mickey e a Minnie! Coisa de doido, coração até disparou! Hhahaha
      Essa semana só vai rolar S&J na playlist de geral, aposto! Hihi

      Beijocas

      Excluir
  14. KkkKkk Pra quem não conhecia, você resolveu o problema, dá até para publicar a biografia com esse teu artigo.
    Genteee é nostálgico demais, é incrível como remete a várias lembranças. Eu amo muito Maria Chiquinha na voz infantil, é TAP gostoso de ouvir.
    Mas você fez um post excelente Fabi, ficou grande porque eles tiveram uma gigantesca carreira, que era impossível resumir. Foi tanto sucessos, tantos hits. Amei, e quero acompanhar as outras postagens. Bjinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora tenho foto. Kkkkk. Que legal.

      Excluir
    2. Realmente tem coisa demais pra ser falada e seria impossível resumir, e olha que eu tentei! shIAHusihAUIshAs
      Nostalgia pura e simples! <3

      Beijocas, menina que tem foto! kkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  15. Oi, Fabi!!
    Que legal a postagem, adorava essa dupla. É muito nostálgico ver todas essas músicas deles!! Estou até cantado no momento!! Kkk só falto pular!! Muito abrigada por essas postagem maravilhosa!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos pular, Martaaa!!!
      Vamos pular, vamos pular, vamos pulaaaarrr!!!
      <3 <3 <3 <3

      Beijocas

      Excluir
  16. Oi Fabi!

    Ê saudade, viu?
    Essa é uma verdadeira trilha sonora do nosso nascimento, desenvolvimento e fase adulta.
    Sua escrita é super engraçada e suas postagens mais ainda.
    Amo o Rebobina.
    Você arrasa sempre.

    Beijinhos.
    Alana Marques
    http://colecionadoresdelivross.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Delicinha de comentário, Alana! <3
      Obrigada pelo carinho!

      Rebobina virou um queridinho da vida, né? Bom demais voltar ao passado!

      Beijocas

      Excluir

© PAUSA PARA PITACOS - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: RENATA MASSA | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo