Menu em imagem

Image Map

31 janeiro 2019

{Tem na Netflix} ~ Sex Education ~

2019  está tão lindo! Estou conseguindo assistir filmes, ler, blogar, e pasmem: assistir séries!!! Inteirinhas ♥

Hoje trago uma indicação bem gostosa para os que apreciam seriados que misturam drama e comédia. Saibam minha opinião e um pouquinho mais a respeito da série Sex Education.




Netflix
Título: Sex Education
Criação: Laurie Nunn
Número de Temporadas Disponíveis: 01
Estreia do Primeiro Episódio: 11/01/2019
Avaliação: 


Acabei viciando meu namorado em Netflix, assim sendo, todos os dias vasculhamos o aplicativo à procura de novidades. Quando vi o título dessa série, produção original, não me atrai.

Considerei que seria mais um "besteirol" adolescente, ao estilo American Pie. Aliás, se lermos a sinopse da série, é justamente essa conclusão que tiramos.

O enredo é composto por adolescentes, que estão naquela fase de descobertas e, como qualquer adolescente; o sexo é o grande atrativo.


Otis (Asa Butterfield), é filho de pais separados. Convive com sua mãe, Jean Milburn (Gillian Anderson), que é terapeuta sexual. Teoricamente falando, Otis entende bem do mundo sexual, mas na prática é bem diferente. Otis ainda é virgem, e mesmo conseguindo falar abertamente sobre o assunto, principalmente no que diz respeito aos problemas alheios, tem reservas pessoais, que o impede até mesmo de se masturbar (algo tão comum na vida dos adolescentes do sexo masculino).

Maeve (Emma Mackey), é a típica adolescente rebelde, estereotipada como a "vulgar" "fácil". E acaba tendo a ideia perfeita para descolar uma grana extra: montar, com a ajuda de Otis, uma espécia de terapia sexual na escola.

Esse é o ponto chave da série. Mas enquanto descobrimos os problemas sexuais dos personagens principais e de todos os demais alunos da escola, conhecemos as particularidades do núcleo de personagens que vão além do tema sexo.

Ao contrário do que imaginei, a série está muito longe de ser um besteirol. O núcleo familiar dos adolescentes trazem dramas mais comuns do que imaginamos, e coloca pais e filhos para pensar.

Otis e sua mãe, mostram que nem sempre falar abertamente sobre sexo é a chave dos problemas. E retrata o quanto as atitudes dos pais em determinadas fases do crescimento influenciam diretamente sobre a vida pessoal dos filhos.

Maeve, que tinha tudo pra ser a parte mais dramática da trama, é a retratação perfeita das consequências do machismo. Uma personagem que tem uma "fama" que diverge em alguns pontos de sua realidade. Mesmo com todo o preconceito que sofre por outras meninas do colégio, se mantém forte. Um dos ápices da série, a meu ver, foi quando Maeve, mesmo com todos os motivos para virar as costas, ajuda a garota que mais praticava bullying com ela. Foi um episódio mágico, que mostra a realidade do feminismo.

Resultado de imagem para sex education netflix gif
"É minha vagina"

A série reúne vários outros personagens incríveis, não vou citar um por um (poderia soltar spoiler), mas não posso deixar de citar o meu favorito: Erick Effiong, interpretado lindamente por Ncuti Gatwa.

A construção desse personagem é muito interessante. Erick é gay, e a ficção retrata o estereótipo de homossexual engraçado, que quer todos os holofotes para si. Confesso que revirei os olhos no momento em que percebi o feito. Mas bastou alguns minutos para que eu descobrisse os verdadeiros motivos para essa construção.


A série trabalha com muitos temas, atuais, necessários; rodando pelas diversas construções familiares que temos nos dias de hoje, nos fazendo enxergar que, não importa o quão moderna seja a família, na maioria das vezes todas veem a sexualidade como um tabu.

Nem preciso dizer que apreciei. A parte cômica ficou em segundo plano, e mesmo os episódios sendo extensos, consegui assisti em três dias.

Recomendo!



19 comentários:

  1. Oie!
    Eu adorei taaaanto essa série! Assim como você, eu não me interessei logo de primeira, mas decidi arriscar porque vi algumas pessoas falando bem e gosto do trabalho do Asa Butterfield, e felizmente não me arrependi! O Eric é maravilhosoooooo, e um dos pontos que me chamou muita atenção foi que a pessoa mais admirada no colégio é um jovem negro, com duas mães. Isso é tão diferente do que estamos acostumado em obras parecidas!
    Adorei o post e a indicação.
    Beijos,
    https://ofantasmaliterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lindeza!!
      Eu não mencionei isso na resenha, senti medo de falar demais e dar spoiler. Mas também considerei esse personagem incrível! Quebrou todas as barreiras né?
      Beijos ♥

      Excluir
  2. Oi,
    Ainda não assisti essa série, mas já quero muito! Parece ser muito boa e só vejo gente elogiando. A Netflix mal divulgou ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi muitos trailers no app. Nas redes sociais confesso que não vi muita coisa, mas eu entro pouco sabe.
      Vale a pena! Assista.
      Beijos

      Excluir
  3. Estou tentando colocar em dia os filmes que vão concorrer ao Oscar este ano, aí a única série que estou acompanhando é Vikings!(mas só falta um episódio desta última temporada para encerrar) rs
    Aí aproveito quando adiantar os filmes, para colocar as séries em dia.
    E Sex foi tão recomendada em sites de cinema e séries que passo, que ela já está ali, engatilhada. Aliás,Sex e Desventuras em Série(a última temporada..rs)
    Adoro estes enredos mais juvenis, com perguntas e tiradas sobre amizade, sexualidade, que sim, podem trazer algo de bom a todos nós!
    Verei com certeza!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu precisava fazer o mesmo que você, mas não vai dar rsrs. Espero que assista e goste tanto quanto eu.
      Beijos

      Excluir
  4. Ainda não assisti, mas parece ser bem interessante.
    Ainda bem que não é um "besteirol".
    Em breve vou assistir

    ResponderExcluir
  5. Oi, Bia!
    Que bom que você está conseguindo conciliar tudo, que 2019 continui assim!...
    Confesso que faz tempo que assisti algo sobre a adolescência e seus desafios - sexualidade, amizade, bullying... - mas me interessei pelo enredo de Sex Education, e já estou anotando essa dica para assim que possível conferir.
    Ps: esse episódio onde a Maeve ajuda a menina que mais pratica bullying contra ela deve ser mesmo muito emocionante de se ver, hein?!

    ResponderExcluir
  6. Eu sou uma daquelas raras pessoas que não tem interesse, por enquanto, em ter Netflix, contudo, minha melhor amiga tem e, quando eu quero assistir alguma coisa, utilizo a conta dela =P.
    Eu já tinha ouvido falar de "Sex Education" e já tinha até visto o trailer, só que, apesar dos vários comentários positivos que vi sobre a série, a mesma não me despertou interesse suficiente para assisti-la. Eu tenho mais ou menos a mesma idade que o pessoal da série, mas não é bem o gênero de séries que costumo ver, o que, claro, não me impede de assisti-la futuramente.
    Eu gostei muito da série tratar de "tabus" e assuntos tão importantes, além de criar personagens tão pautáveis, personagens que fazem as pessoas se identificarem.
    Eu logo imaginei que não seria mais um "besteirol", todavia, ter essa confirmação é um alívio ^^.
    Não descarto a possibilidade de ver a série (nunca diga nunca), só não pretendo ver por agora ><.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando ver, me avise. Eu acho que você talvez pudesse gostar.
      Eu não ligava muito pra netflix também, hoje assisto muito pelo fato de ser mais barato que outros planos de tv.
      Beijos

      Excluir
  7. Oi Bia!!!

    Te confesso que quando vi inicialmente a série, tive a mesma impressão que você! Felizmente dei uma chance e adorei!! A temática é muito boa, os personagens foram bem construídos, até os dramas e vivências de cada dia estão lá! Uma série para desconstruir estereótipos e ajudar com varias visões!!!

    Beijos
    Naty!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que dei uma chance Naty, agora já estou ansiosa pela segunda temporada.
      Beijos

      Excluir
  8. Ainda nao vi essa serie, mas dizem que é muito boa mesmo!!Eu assisiti recentemente a You, achri bacana e agora to assistindo a do Ted Bundy!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. You é muito perfeita!!! E quero assistir a do Ted também.
      Beijos

      Excluir
  9. Vi a série no netflix e também não me atraiu a principio, mas depois pude ver que é bem interessante. Vale a pena parar para assisti a essa serie. Eu recomendo.

    ResponderExcluir
  10. Eu não tinha me interessado pela série até ver o trailer e conferir algumas opiniões, parece ser bem interessante, então vou dar uma chance.

    beijos
    http://www.alivromaniaca.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita e pelo carinho! <3
Deixe sua opinião sobre o post e também um pouquinho de amor!

© PAUSA PARA PITACOS - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: RENATA MASSA | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo